Emerson Almeida

Desenvolvimento de softwares, jogos, músicas e músicas de jogos…

Módulo de Segurança do Banco do Brasil


Olá a todos.

Banco do BrasilDepois de um bom tempo afastado das atividades do blog, que não tem tanta coisa interessante assim, resolvi adicionar outra postagem sobre o módulo de segurança do Banco do Brasil, que apesar de tanto tempo, as pessoas ainda consultam este espaço.

Segue aqui o programa de diagnóstico do Banco do Brasil, para fazer as devidas instalações para acessar o netbanking, mesmo para as versões mais recentes do Firefox.

DiagnosticoBB.exe

Um abraço e boa sorte a todos.

Europe


Almost UnpluggedLast Look At EdenEuropeOut Of This WorldPrisioners In ParadiseSecret SocietyStart From The DarkThe Final CountdownWings Of Tomorrow

30 Seconds To Mars


A Beautiful Lie30 Seconds to Mars

José Serra: um gênio ou o delírio de um louco tentando dominar o Brasil?


cerebroDifícil descrever a que ponto chegou o PSDB. O que se vê em São Paulo é o maior desespero por parte dos tucanos, temendo algo que está cada vez mais próximo do fato: a perda da administração da cidade e, em seguida, do estado. Os nomes que o partido possui para tentar suceder a administração paulistana não passam de embustes, tanto que o partido abertamente descarta qualquer atitude democrática para “escolha” de um indicado para as eleições caso Serra aceite a candidatura.

José Serra, concordando, passa de antemão um cheque sem fundos ao eleitorado da cidade de São Paulo. Só faltava dizer:

-“Ó, amiguinhos! Votem em mim para prefeito mas não vou ficar muito tempo ali não. É só até chegar a campanha para presidente da república e aí vocês votam em mim de novo, tá? E se alguém questionar minha decisão, é trololó petista.”

O enredo não é novo. Ele vem com a proposta de não entregar a cidade na mão do PT, somado à possibilidade de 48% do eleitorado votar em um candidato indicado por Lula (vencê-lo seria sua glória). Como se a presença de Serra na disputa fosse causar alguma mudança nesse percentual.

Seu trabalho vai se concentrar nos 52% dos eleitores que “não votariam no candidato do Lula” mas isso significa que ninguém desse percentual votaria em um candidato do PT? Não.

Vale lembrar como foi a votação Dilma/Serra em São Paulo. Isso porque Dilma Rousseff “não é nenhuma Brastemp”® (provavelmente a frase pertence à própria Brastemp). Na cidade, o tucano ficou com 54% contra 45% da candidata petista. Em termos absolutos, um pouco menos que 470.000 votos, e corresponde apenas a um pouco mais da metade do número de habitantes do bairro do Capão Redondo.

Se ampliarmos o escopo ao estado inteiro, mantendo o percentual (e foi isso que aconteceu) essa diferença não chega a 2 milhões de eleitores. Parece muito? Depende do interesse de quem avalia os números. Vale lembrar que o número de eleitores que não compareceram às urnas equivale a 2,5 vezes a diferença entre Serra e Dilma, nas duas esferas.

Parece muito ainda? Não.

O mais interessante é a própria visão dos partidos que compõem as administrações municpal e estadual a respeito dos próprios eleitores, nas entrelinhas tratando-os como o gado que anda em sentido único para o abate.

Na semana passada, o presidente nacional do DEM, o senador Agripino Maia, afirmou que a parceria do PSDB com o DEM e o PSD é inevitável caso Serra seja o candidato. O que ele deve pensar que é inevitável é que o próprio eleitorado engula essa manobra que não passa de um grande fraude e desrespeito à cidade que é a maior do país e, com certeza, merece políticos realmente à altura de sua complexidade.

E quando eu digo “altura”, não me refiro à pretensão de José Serra à presidência que, de tão alucinado, chega a se confundir com a do personagem da Warner Bros. criado por Tom Ruegger e Steven Spielberg que tenta, toda noite, dominar o mundo.

Lançamento Oficial do Symbian Belle


Hoje foi lançada a atualização oficial do aparelhos Nokia baseados no Symbian Anna. Pelo menos, pro meu N8 chegou.

Como de costume, a maiores atualizações dos smartphones são feitas somente conectado via USB e com o Nokia Suite, atualmente na versão 3.3.86.

Divirtam-se com as novas funcionalidades.

Obs.: Atualização disponível ainda para aparelhos desbloqueados e sem vínculos com operadoras.

Até.

Nokia Maps em 3D: um novo capítulo


Parece que a compra da C3 Technologies pela Apple não deverá ser de tanto valor, além de um GPS bonito aos olhos mas não muito além disso.

Analisando o link do mapeamento em 3D da Nokia aqui, utilizando WebGL (Usando OpenGL ES 2.0 como base) para renderização em navegadores, é possível ver que as cidades também estão mapeadas com o recurso semelhante ao usado da C3 aqui e não consta qualquer direito reservado à C3 ou Apple.

Se deve também ao fato de que  todo o trabalho de mapeamento vem sendo conduzido exclusivamente pela NAVTEQ com a tecnologia NAVTEQ True com resultado absurdamente fantástico.

A Apple quer se desligar completamente do Google com o iMaps, mas parece que vai acabar comprando informações da NAVTEQ, caso queira, além do seu serviço de mapas bonito, útil também.

Telefônica/TVA: há discriminação até para levar fibra ótica? (II)


Bom dia a todos.

Um coloquei aqui há algum tempo atrás a respeito do desrespeito da Telefônica/TVA quanto à oferta de serviço de banda larga e TV Digital por fibra ótica somente a bairros abastados, fica aqui uma situação que chega a ser bem pior.

O endereço é Estrada do Embu, que dá acesso à Rod. Raposo Tavares. É uma estradinha com casas modestas, nada especial. Naturalmente a Telefônica não instalou nos postes os equipamentos para banda larga em fibra ótica. Não instalou? Instalou sim, num esquina onde, coincidemente, há uma ou duas mansões e alguns condomínios de padrão médio/alto.

Ali constatei dois distribuidores para FTTH (fiber to the home), como o da figura abaixo:

E aqui, a imagem retirada do Google Street View do trecho onde o equipamento está pendurado:

Pode percorrer você mesmo no Street View e constatar que vai encontrar mais um ou dois pontos do mesmo tipo, localizados próximos a esse acima mostrado e ver que o serviço não chega a outas residências, mais simples, dessa mesma estrada, que não é tão extensa assim. Considerando que a partir de um ponto, pode-se puxar fibra ótica até 500 metros de distância, esse serviço não pretende mesmo atender a todos ali.

É realmente lamentável que um empresa que leva telefone a qualquer buraco, pratique esse tipo de discriminação, com dinheiro também arrecadado de bairros mais pobres de São Paulo. Sim porque se dependesse de só implementar o serviço com o que se paga em bairros nobres, agora estaríamos vendo a banda larga de 4Mb (afirmação incerta, pois poderia estar pior; melhor, não).

Ou seja: não basta querer o serviço, você precisa provar para a Telefônica que tem dinheiro para pagar pelo serviço. Esse é o jeito que ela encontra para comprovação…

Um abraço irritado a todos.

Quem paga as contas da Editora Abril?


isonomia da veja
Imagem original do blog Proibido Virar à Direita

Alguém tem uma explicação melhor para a dupla personalidade da revista? Por que as afirmações da primeira capa não podem ser colocadas na segunda e vice-versa?

Para falar contra alguma administração que bate de frente com seus interesses, usam aquela argumentação rococó do voto de cabresto, com pequenas alterações. Para defender os amigos do partidão, culpam o santo errado (São Paulo por São Pedro) pelo descaso administrativo mas claro, pra não ficar evidente demais, usando o termo “sudeste e sul” como máscara para o disfarce.

Será porque o PSDB, além de amigo, é o principal doador?

Google Maps x Nokia Maps: um novo duelo à vista?


Bom dia a todos.

Gostaria de compartilhar essa informação com todos, apesar de que pode não ser novidade para alguns mas tenho a impressão de que estamos em uma pequena corrida para quem vai mapear o mundo inteiro em 3D.

Quando digo mapear em três dimensões, não me refiro somente a olhar um globo 3D, dar um zoom e vemos um estádio qualquer ou nossa casinha texturizada no mapa do satélite; falo da possibilidade real de vermos qualquer imóvel, famoso ou não em três dimensões.

Já é de conhecimento de todos sobre o trabalho do Google, com o seu “Maps”, “Earth” e “Street View” para mapeamento tridimensional. O que parece é que a sua vanguarda pode ser tomada por outra gigante: Nokia.

Essa semana recebi uma mensagem do aparelho sobre a nova funcnionalidade de programação de rotas para viagens no site de mapas da Nokia (maps.nokia.com) e sincronização dos resultados com o aparelho e me deparei com uma coisa muito interessante: a visualização em 3D do terreno.

“E qual é a novidade, se o Google já faz isso?” – Pergunta você.

A resposta está na técnica de renderização tridimensional do terreno.

Enquanto o Google Earth aplica algum relevo genérico ao terreno e para construções, é necessária a ajuda de algum arquiteto com conhecimento em Google Sketchup, a Nokia usa tecnologia da C3 Technologies (comprada recentemente pela Apple). Vai um vídeo produzido pela SAAB, mostrando como essa tecnologia trabalha e em que circunstâncias ela é aplicada:

Aqui vão duas imagens dos arredores do Sydney Opera House a partir das ferramentas do Google e da Nokia:

Google Earth, porque o plugin para navegador não funciona direito, no meu caso:GoogleEarth

Nokia Maps a partir de um plugin no navegador:
NokiaMaps

Resultado: faltaram artistas gráficos para inserir prédios no Google Earth. No Nokia Maps, todas construções estão em 3D.

Tudo bem que se você olhar a Sydney Opera House de frente, vai ver todo o trabalho do artista no Google, mas compara aí pra ver quem fica mais agradável, do ponto de vista realista:

Nokia_OperaHouseGoogle_OperaHouse

É interessante porque, apesar do trabalho da Nokia ser relativamente novo, tem mais potencial em fazer o mapeamento do mundo totalmente em três dimensões que o Google. Detalhe da barra de controle do Nokia Maps em 3D: há um ícone à direita que indica visualização no nível da rua também. Tem algo pra ver em Barcelona, Espanha e outros lugares nos EUA. É claro que ainda há poucas áreas em 3D e visões da rua do lado da Nokia mas ela tem condições de aumentar consideravelmente sua base de dados em tempo menor.

NokiaMaps_StreetMode_Barcelona

Neste modo, o Nokia Maps se comporta semelhantemente ao Google StreetView, mas tem algumas diferenças.

Confira o Nokia Maps em 2D e 3D. O Google vai ter que suar mais a camisa para enfrentar a concorrência.

Resta saber como ficará esse projeto da Nokia, já que a C3 é Apple agora…

Um abraço e até a próxima.

Daniel (Nau)Fraga: o desespero de um tucano


Um tucano, leitor da Veja, com certeza. Parece o Reinaldo Azevedo com seu discurso débil mental.

E aí? Vai rolar processo contra esse canalha? O Serra não se tratou no SUS quando foi atingido por aquele meteorito do planeta Celulônio.

Aliás, se a recomendação do babaca acima é, na verdade, um deboche porque o serviço seria supostamente um horror, por que o PSDB forçou e conseguiu derrubar a CPMF? Será que é só o argumento do desvio de recursos mesmo ou eles planejaram uma queda no atendimento para depois fazerem política em cima da desgraça dos outros?

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 49 outros seguidores